quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012 2 comentários

Outra maneira de tirar a cola chata dos vidros

Eu já postei aqui um jeito fácil de tirar a cola que fica dos rótulos, mas... Eu achei um jeito bem mais rápido. Retirando minhas unhas adesivas (postei sobre aqui), resolvi fazer um teste nos vidrinhos também. Já que o removedor de esmaltes retira a cola dos adesivos também vai tirar a cola dos rótulos. Então ficou assim:


+


=

Igual a vidrinho limpinho, sem cola!!!

Obs.: Depois que passar o removedor lave o vidrinho com água, sabão e bucha. Aí é só secar e usar.



terça-feira, 28 de fevereiro de 2012 4 comentários

Barrinha de cereal super saudável


Semana passada meu marido teve uma palestra sobre nutrição esportiva. A nutricionista levou uma barrinha saudável de cereal e deu a receita. Comprei os ingredientes e fui pra cozinha fazer. Não tem segredo, é juntar tudo e colocar no forno. Então vamos lá:


Ingredientes
- 100 g de manteiga culinária
- 100 g de açúcar de cana (foi assim que me foi traduzido rs, não é açúcar mascavo, é parecido com açúcar cristal só que meio marrom clarinha)
- 3/4 xícara (chá) de mel
- 50 g de nozes picadas
- 50 g de amêndoas picadas
- 200 g de aveia em flocos grossos mesmo
- 50 g de semente de gergelim
- 50 g de semente de girassol (isso mesmo aquela comidinha que os papagaios comem rs)
- 50 g de uvas passas

Preparo
Coloque a manteiga, o açúcar e o mel em uma panela e deixe isso tudo derreter até ficar um líquido homogêneo (deixe ferver e desligue). Em uma vasilha misture os outros ingredientes. Coloque a mistura de líquidos e mexa até eles se encorporarem. Coloque uma folha de papel manteiga em uma forma e prense com uma colher a massa até ficar na altura desejada. Leve ao forno, 150 graus, durante 30 minutos. Retire e espere esfriar. Corte as barrinhas no tamanho desejado.

Obs.: As extremidades ficam um pouco crocantes e no meio mais molinho. Ficou uma delícia. Se quiser ela menos crocante leve ao forno somente por 20 minutos.

Esse é o açúcar:

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012 0 comentários

Abobrinha à milanesa


Muito fácil, rápida e gostosa essa receita. Meu filho que odeia abobrinha (eu quase sempre colocava raladinha no feijão) amou essa abobrinha à milanesa. Ele comeu com molho shoyu.


Ingredientes
- 1 abobrinha com a casca
- farinha de trigo
- água
- sal
- pimenta do reino
- farinha de rosca
- óleo para fritar

Preparo
Lave bem a abobrinha e corte em rodelas não muito finas. Faça um creme com farinha de trigo e água e coloquei uma pitadinha de sal (deve ficar um cremezinho mole). Reserve. Salpique sal e pimenta do reino (pouco) nas rodelas. Passe as rodelas de abobrinha na farinha de trigo, no creme e por último na farinha de rosca. Frite em óleo quente. Ela fica dourada rapidinho ai é só retirar e colocar em papel absorvente para absorver o excesso de óleo.

Eu usei a abobrinha libanesa, para quem não sabe qual é vai uma fotinha:



domingo, 26 de fevereiro de 2012 2 comentários

Este blog agora pode ser lido em outros idiomas!!!

Gente descobri uma ferramenta em que o Blog é traduzido para outras línguas. É super fácil de fazer. Eu vi em um blog de outra pessoa (desculpa mas não me lembro qual blog foi) e procurei na internet como fazer. Achei esse link que explica:




OBS.: Se quiser traduzir para outras línguas além dessas é possível, basta colocar a língua desejada acima na página que irá abrir.
sábado, 25 de fevereiro de 2012 0 comentários

Testando mais adesivos para unhas

Já coloquei um post aqui sobre esses adesivos.
sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012 9 comentários

Enxoval básico para o recém nascido

Da minha primeira gravidez consegui ir comprando o enxovalzinho do Rafa aos poucos, via uma coisa, gostava, precisava e comprava, tudo sem exagero porque no final das contas o que mais se ganha são roupinhas e sapatinhos para os primeiros meses e perde muito rápido. Eu falo sem exagero porque muitas mamães (principalmente as de primeira viagem) saem comprando tudo o que vem pela frente (ótimo quando se tem muito dinheiro rs) e o bebe acaba usando no máximo umas 3 vezes e já não serve mais. Eles crescem muito rápido!!! Muitas lojas de bebes dão sempre uma listinha com itens básicos para os primeiros meses. Essa listinha foi muito útil para mim, principalmente na primeira gestação e com ela pude comprar sem exagero (apesar de as listas de algumas lojas serem exageradas ainda rs), então fui dosando e comprando o que realmente iria precisar. Nos primeiros meses eles golfam muito (isso mesmo está certo, feia a palavra né rs), então o que mais vai precisar são fraldas de pano, conjuntos de blusa com calça/short e bodies. Para o Rafa eu usei bastante conjuntinhos de blusa com calça (pagãos) e para a Fernandinha bodies (muuuuitos bodies). 
Demorei um tempo para fazer o enxoval da Fernandinha porque sabia que não iria ficar no Brasil e com seis meses de gravidez viajamos para a China e ao que tudo indicava ela iria nascer lá, mas como nem tudo acontece como planejamos ela nasceu em Brasília (graças a Deus). Meu plano era comprar tudo pra ela na China, mas com oito meses de gravidez tive que voltar para o Brasil e a Fernandinha nasceu em Brasília com o mesmo médico que fez meu primeiro parto (DR. Sérgio Gomide - tem um consultório no Hospital Anchieta em Taguatinga - excelente profissional, o único problema é que hoje em dia para marcar uma consulta com ele tem que ser com quase 1 mês de antecedência rs). Meus dois partos foram naturais, mas isso fica pra outro post porque tenho muita história... O assunto aqui é o enxoval básico para o recém nascido.
O Rafinha amava tomar banho nos baldes. Hoje em dia tem uns menores, próprios para dar banho nos bebes.
Algumas mamães optam pelo cestinho ao invés do berço nos primeiros meses.

MOBÍLIA
  • Berço
  • Comoda ou guarda-roupa
ACESSÓRIOS
  • Carrinho (O Rafa dormiu 1 mês no carrinho, eu achava que ele ficava mais aconchegado do que no berço)
  • Banheira
  • Bebe conforto (muito importante para o carro e para levar o bebe para passear quando está novinho, é mais confortável que o carrinho. Tem até uns carrinhos que vem com o bebe conforto e eles se encaixam perfeitamente e são seguros para passear). 
  • 3 babadores
  • 2 pacotes de lenços umedecidos (mas preferi no primeiro mês limpar com algodão e água morna, mas quando saia de casa tinha que levar os lencinhos umedecidos)
  • Cotonetes
  • Algodão em bolinhas
  • Potinhos para colocar cotonetes e algodão
  • Álcool 70% para limpar o umbigo (nossa como hoje em dia cai rápido!!!)
  • 1 garrafa térmica (se optar por lavar o bumbunzinho entre as trocas ao invés de limpar com lenço umedecido)
  • 1 escovinha macia para o cabelo
  • 1 cortador de unhas ou tesourinha (eu achei o cortador mais prático do que a tesourinha, só tem que ter mais cuidado)
  • 1 chupeta ortodontica (Se optar por dar a chupeta. Eu tentei como o Rafa e ele não quis, a Fernandinha chupa bico até hoje rs. Não acredito que as chupetas prejudiquem a dentição porque conheço muitas pessoas que chuparam bico e tiveram os dentes certinhos e outros que não chuparam que tiveram dentes tortos).
  • 1 saboneteira
  • 1 mala grande para o bebe (Eu comprei um conjunto - uma grande e uma pequena. A grande você usa mais no começo, com o passar dos meses a menor vai sendo mais utilizada).
  • Se for menina lacinhos e faixas para o cabelo (se gostar, eu mesma não gosto de faixas, mas gosto de lacinhos, o único problema era q o cabelo da Fefe era muito liso e não segurava nada. A dica que minha mãe me deu foi grudar com sabonete. Dava certo!!).
  • 2 mamadeiras (algumas mamães tem problemas em amamentar seus filhos. O Rafa amamentei até 2 anos, a Fernandinha mamou só 5 meses e não quis mais porque tive que introduzir o leite em pó).
Essa cadeirinha vibra e toca música. Tem bebe que gosta e outros não. Mas também usa só alguns meses, mas se o bebe gostar é uma "mão na roda".


CAMA
  • 3 conjuntos de lençóis para berço
  • 1 protetor para o berço
  • 1 cobertor 
  • 1 edredon
  • 1 travesseiro
  • 5 cueiros
BANHO
  • 2 toalhas com ou sem capuz 
  • sabonete (eu gosto dos líquidos, mas a pele da minha Fernandinha é muito seca, principalmente as perninhas e o pediatra recomendou Dove Bebe)
  • shampoo
  • óleo de camomila (eu não usei óleo em nenhum dos dois bebes)
  • pomada contra assaduras (no Rafa eu usei Ipoglós que acho a melhor, na Fernandinha por conta de um fungo que apareceu nela estou tendo que usar Dermodex Tratamento - usar até ela largar as fraldas)
  • perfume (passar somente na roupinha e pouco por enquanto!!!)
  • 2 toalhas fralda para colocar dentro da toalha para deixar mais macia
Obs.: Aqui na Dinamarca os produtos para recém nascidos são todos sem perfume por conta de alergias.


FRALDAS
  • Alguns pacotes de fraldas descartáveis tamanho P 
Obs.: A quantidade você vai vendo conforme os dias vão passando porque cada bebe é diferente. O Rafa gastou muitas fraldas nos primeiros meses. A Fernandinha só no primeiro mês, depois o intestininho dela ficou preso. Mas fraldas sempre são bem vindas, então a dica é fazer um chá de fraldas antes de o bebe nascer.
  • Fraldas de pano (bastante, mas sem exagero, umas 20). Isso suja muito e por mais que você lave, sempre parece que está faltando rs. 
ROUPAS
  • Bodies (muitos bodies!!!, mas sem exagero também porque perde rápido. Compre uns 10 com manga e 10 sem manga.
  • Conjuntos de camiseta com/e sem manga com calça/short (depende do lugar que morar se é mais frio ou quente). Uns 6 conjuntinhos para ficar em casa. Eu gostava mais desses conjuntinhos (pagãozinhos) do que de macacões. Usava macacões mais para sair.
  • 6 pares de meia
  • 2 pares de luvas e sapatinhos de lã.
  • 2 gorrinhos
  • 7 calças de malha com pezinho (eu comprei umas que eram sem pezinho, mas que dava para puxar o pano no pé para ficar com pezinho).
  • 9 macacões (se estiver em um período quente compre 5 curtos e 4 compridos e se a estação for fria, 6 compridos e 3 curtos).
Lave tudo com sabão de coco, sem colocar amaciante, deixe secar, passe e guarde com uma certa antecedência, principalmente você que pretende ter parto natural. Parto natural é sempre inesperado, eu mesma tive os dois antes dos 9 meses completos (mas isso é história para outro post também porque a história é longa rs).
Bom, o básico acho que é isso (se não me esqueci de algo rs). Com os meses você vai vendo o que seu bebe usa mais e vai acrescentando ao enxoval. Eu preferi fazer chá de fralda e ganhamos horrores de fraldas. Se optar por fazer assim,  não se esqueça de dividir mais ou menos os tamanhos P, M, G, GG e EG, para não ganhar muitos de um tamanho só.
quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012 0 comentários

Adesivos para unhas - Testado

Olha o que eu encontrei no mercado aqui perto de casa e custou R$ 0,60. Eu vi o preço no Brasil e uma cartela com 24 custa R$ 14,00. Essa cartela vem somente 10 e inclui 1 lixa e um palito pequenos e manual de instruções. É muito fácil de aplicar. Eu ultimamente estou usando removedor de esmaltes e não acetona.  Pró: o removedor hidrata e fortalece as unhas e a acetona faz o contrário. Contra: a pele ao redor da unha fica muito oleosa e o gosto do removedor é horrível (mas não é para por na boca mesmo né! rs), ele demora um pouco a sair, tem que lavar com sabonete e ter cuidado ao enxugar para não borrar o esmalte. Demora mais para remover o esmalte do que a acetona. 
Bom, adquiri várias cartelas para testar. Eu passei base comum por cima do adesivo depois de colado na unha porque não veio nada para passar por cima e li que tem que passar uma base para durar mais tempo o adesivo na unha, mas tenha cuidado e passe somente uma vez por cima, se passar mais o adesivo vai se desfazendo. Para remover o excesso de base eu usei o removedor de esmaltes que comprei aqui e achei que a base nessa hora seria uma ótima escolha porque evaporaria mais rápido. O removedor deixou os cantinhos do adesivo meio moles e demorou até pra secar e qualquer esbarradinha estragava. 


O que veio no kit:
Como ficou:
O que achei: Bom, olhando de longe da pra enganar, mas não fica igual a fazer as unhas com esmalte mesmo. Como eu mexo com produtos de limpeza em casa não deve durar muito, mesmo usando luvas (quando eu faço as unhas com esmalte não duram muito tempo também, mas ainda bem que não dependo de ninguém para fazer porque eu mesma sei fazer e isso é ótimo ainda mais aqui na Dinamarca). Notei que são mais sensíveis que os esmaltes e qualquer esbarrãozinho, principalmente no primeiro dia sai. Quando enjoar ele sai muito fácil é so puxar, mas fica uma colinha chata de tirar, não adianta lavar que não vai sair. A cola das minhas unhas saiu com removedor de esmaltes. Tentei tirar o adesivo com o removedor sem antes puxar e deu trabalho, o melhor e arrancar o adesivo e depois tirar a cola com o removedor de esmaltes. Achei divertido, na verdade é mais uma brincadeira e tem um adesivo mais legal e bonito que o outro. Vale a pena fazer!!!
quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012 3 comentários

Doce de leite caseiro, mas sem trabalho!!!

Aiiiii tem dia que dá uma vontade de comer algo que não se tem em casa. O que fazer para saborear o algo tão desejado em um país que não se encontra em qualquer esquina? Me deu vontade de comer doce de leite!!! Encontrei no Bilka, o mercado mais próximo de casa, mas já procurei em todos os outros e não achei (talvez tenha no Føtex também). Uma latinha de 250g custa R$ 12,00 e isso porque nem é marca conhecida como Nestlé ou Itambé, ou seja, gosto duvidoso. Aqui se encontra mais fácil leite condensado (R$ 5,40 uma latinha). Pensei comigo, poderia fazer com leite e açúcar, mas demoraria muuuuito tempo e seria preferível ir no Bilka e comprar já que essas vontades só me dão de vez em quando rs. Já que eu ia no Bilka por que não comprar uma lata de leite condensado e fazer, sem esforço nenhum meu doce de leite e esse sim eu sabia o gosto que ia ter. Pois bem então ficou assim:

+
=


Meu doce de leite!!!!!!!!!!

Como fazer: Tire o rótulo da lata, coloque dentro da panela de pressão e encha até cobrir a lata, se a panela de pressão for pequena (igual a minha) pode deitar a lata de leite condensado. Espere pegar pressão e conte 10 minutos. Desligue o fogo e espere a pressão sair toda, abra a panela e coloque a lata em um local para esfriar. NÃO TENTE ABRIR A LATA QUENTE PORQUE IRÁ MACHUCAR VOCÊ!!! (mesmo aquela lata que tem a alcinha para puxar, não custa nada esperar esfriar.). Depois de a lata fria é só se deliciar com seu doce de leite.

sábado, 18 de fevereiro de 2012 2 comentários

Kit de pincéis Costal Scents

Minha mana Cris me presenteou com um lindo kit de pincéis da Costal Scents Natal passado. Todos lindos e maravilhosos, cerdas super macias. Eu gosto muito de me maquiar, mas não tenho muita prática para super criações. Consigo fazer o básico, passar lápis, blush, máscara, batom e dar um tapa na sobrancelha rs. Primeiro que não sei qual a função dos pincéis, segundo tem que ter um pouco de prática né e no começo não é muito fácil. Resolvi pesquisar na rede sobre o kit que ganhei. 
Não é que tinha um blog que falava de cada pincelzinho do meu kit. O blog chama Elas fazem bonito e a dona chama Ana. Tem a parte I e II.
Quem tiver o mesmo kit e quiser ler o que ela fala eu dou o endereço: http://elasfazembonito.blogspot.com/2011/10/review-kit-de-22-pinceis-coastal-scents.html

Meu kit:
Meu teste:




Com o tempo vou melhorando, também foi uma maquiagem básica, não passei base, primer, nem fixador. Usei um quarteto da MAC.
Já postei aqui o uso de cada pincel, mas como eu não tinha um kit específico postei novamente falando do meu kit. 
terça-feira, 14 de fevereiro de 2012 0 comentários

The Valentine's day ou dia dos namorados para nós


Valentine's day em homenagem a São Valentim, considerado um mártir da igreja católica, que morreu no dia 14 de fevereiro e era devoto à ideia de amor, daí ser comemorado o dia dos namorados nessa data em outros países. No Brasil, comemorado no dia 12 de junho, o dia dos namorados ganhou essa data por conta do dia 13 de junho - dia de Santo Antonio (aquele "O Casamenteiro"rs).

Por aqui, Dinamarca, se comemora hoje o dia dos namorados. 










segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012 74 comentários

Gravidez Molar. Eu tive!!!

Eu nunca tinha ouvido falar no assunto até passar por ele. Em 2008 tive uma gravidez molar e já morávamos na Dinamarca. Vou contar desde o começo para vocês entenderem melhor. Eu e meu marido planejamos a gravidez do nosso segundo filho para esse ano de 2008. Parei de tomar a pílula e não deu outra, já estava grávida. Ficamos super felizes, juntamente com nosso outro filho Rafa que na época tinha 6 aninhos. Tinha sintomas normais de uma gravidez normal. Quando deu 1 mês de gravidez tive um sangramento que não parou e fui ao médico. Meu marido ligou para um médico e esse falou para irmos ao hospital no outro dia. Não foi um sangramento pequeno, ele durou até irmos ao médico no outro dia. Eu fiquei triste, porque sabia que estava perdendo meu bebe. Ficamos todos tristes, mas descançamos em Deus. No hospital me examinaram e constataram que eu havia perdido o bebe. Tive que fazer uma curetagem e justamente nesse dia os médicos resolveram fazer uma paralisação, então não haviam muitos médicos. Por isso me colocaram em um quarto, onde meu marido pode ficar comigo e me deram um comprimido para eu ter contrações e expulsar o que havia no útero. Chegamos lá pela manhã bem cedinho e logo fui atendida, mas para fazer a curetagem mesmo só foi possível 22.00 hs. Nos deram um chá de cadeira!!! Mas tudo bem, precisava então nem reclamei. As enfermeiras sempre passavam pelo quarto, mediam minha pressão e viam como eu estava. Tive cólicas fortes algumas vezes. Chegando a hora de ir para a curetagem me aplicaram uma anestesia na veia do braço que já fiquei grogue em alguns segundos. Fui levada de maca para a sala que havia umas 3 ou 4 mulheres, só tenho flashes desse momento. Uma me fez algumas perguntas que também não lembro direito quais foram. Não me lembro de mais nada, só de já ter acordado com meu corpo congelando fora da sala de cirurgia. Ainda fiquei esperando nesse lugar um pouco, pareceram horas, na verdade não sei quanto tempo foi. Me levaram para o quarto, meu amores estavam lá me esperando, Du e Rafa... Eu estava morrendo de fome, passei o dia todo sem me alimentar. Me levaram uma sopinha rala, mas estava tão deliciosa, bem temperadinha (pedi mais rs). Pude ir embora no mesmo dia, estava me sentindo bem, um pouco cansada e fraca, mas bem. Não quis ficar pensando muito sobre o assunto, até então eu tinha perdido meu bebe. Pois bem, agora vou explicar o que é uma gravidez molar:
Em uma gravidez normal, o óvulo fertilizado contém 23 cromossomos do pai e 23 da mãe. Em uma gestação molar completa (essa foi a que eu tive), o óvulo fertilizado não possue cromossomos da mãe e os espermatozóides do pai são duplicados. Não há embrião, a placenta forma uma massa de cistos que vai crescendo até se ter um aborto espontâneo. Em uma gravidez molar parcial o óvulo fertilizado tem o conjunto normal de cromossomos da mãe, mas o dobro dos do pai. Nesse caso há um embrião, mas ele não é normal e não terá condições de virar um bebe. Uma em cada mil gestações no ocidente são molares e eu fui uma das sorteadas rs. Para ganhar na mega sena não tenho essa mesma sorte rs. Se pensarmos bem, a população brasileira é tão grande e nunca tinha ouvido um caso desses. 
O material que colheram na curetagem foi analisado e somente assim ficamos sabendo que havia sido uma gravidez molar. Mas o que mais me deixou preocupada foi como essa notícia me foi dada. Simplesmente chegou uma carta em nossa casa dizendo que eu havia tido uma gravidez molar e que o material havia sido analizado e que eu precisaria fazer exame de sangue todos os meses durante 8 meses porque eu corria risco de ter câncer e eu não poderia engravidar antes de 8 meses. Olha que absurdo!!! Eu fiquei muito assustada, aliás todos nós ficamos. Isso é noticia que se de por carta??? Só aqui na Dinamarca mesmo, mas tudo bem. Meu marido levou a carta para o médico do clube ver e ele explicou direitinho, disse que o hormônio da gravidez estava muito alto e por isso deveria coletar sangue todo mês para ver se estava baixando, até normalizar. Agora sim!!! Foram longos 8 meses, todos os meses indo ao médico coletar sangue, mas tudo bem, era para uma boa causa. Findos os 8 meses esperamos mais 2 e parei de tomar pílula. Batata!!! Engravidei novamente, fácil, fácil. Eu não fiquei em momento nenhum depressiva, a culpa não foi minha e também não havia nenhum bebe ali, não iria formar nada. Também não fiquei naquela de que poderia acontecer na minha próxima tentativa de engravidar ou que iria demorar para engravidar. Acho que tudo isso ajudou a engravidar rápido. A nossa mente é um campo de batalha e ela consegue nos prejudicar e nos ajudar, depende somente de nós. Então vamos tentar usar nossa mente para o nosso bem. Eu sei que às vezes é difícil, mas temos um que pode nos ajudar. Deus sempre pode nos ajudar!!!
Você que está passando por uma gestação molar ou já passou não se preocupe, não é o fim do mundo e não é sinal que você não terá filhos perfeitos futuramente. 
Logo fiquei grávida da Fernandinha e minha gravidez foi uma benção, nunca tive nenhum sangramento, me alimentava bem, fazia caminhadas, fiz uma viagem de quase 24 horas rs. Foi tudo tranquilo!!! 

Seguidores

 
;