segunda-feira, 9 de julho de 2012

As "pequenas" coisas da vida

Tem coisas que não tem preço mesmo!!! Somente aqueles que perdem ou ficam por um tempo sem algo que parecia não ter importância, por fazer parte da vida todos os dias, sabem valorizar as pequenas coisas. O sol hoje apareceu com força total na nossa Brasólia, mas com um certo friozinho pela manhã. Quem tem o sol todos os dias não sabe o que é ficar sem ele por um bom tempo. Quem pode andar não sabe o que é ficar sem andar. Quem pode ver não sabe o que é já ter enxergado e não poder enxergar mais. Quem ouve não sabe o que é ficar sem ouvir nenhum barulho. Como tem barulhos, cheiros, gostos especiais... O cheirinho da chuva, o barulho das águas, o canto dos pássaros, o gosto de um sorvete, um chocolate... Isso é tão bom e muitas vezes nem percebemos isso. Vemos a chuva cair e não sabemos apreciar, só reclamar o quanto ela está nos atrapalhando. Ouvimos cada vez menos os pássaros cantando e às vezes até comemos por comer, sem nos deliciarmos com aquilo que estamos fazendo. Realmente a maioria das pessoas não sabem apreciar. Apreciar é um verbo que não temos tempo pra ele. Quando moramos fora do Brasil, principalmente na Dinamarca onde moramos mais tempo pudemos perceber que lá as pessoas apreciam. Elas tiram um tempo para apreciar comer, ficar com os amigos, tomar um vinho com o cônjuge, entre outras... Quero deixar aqui a importância de tantas coisas que no nosso dia a dia parecem sem importância. Devemos aprender a valorizar as pequenas coisas, é isso que vai fazer a nossa vida feliz porque se dermos atenção a elas todo o resto será valorizado. Enjoy your life!!! Curta a vida!!!


Um comentário:

Gisley Scott disse...

Apreciar é um verbo em extinção hoje em dia. As pessoas tendem a viver achando que certas coisas lhes são dadas por direito, pq são super especiais.Isso acontece demais por aqui.

Apreciar faz de nós mais gratos e mais maduros, pois sabemos que a qquer momento essas coisas podem desasparecer.

Bjs

Seguidores

 
;