segunda-feira, 16 de abril de 2012

Um pouco da vida...

Para quem não sabe meu marido é jogador de futebol, aliás era até terça-feira passada (dia 10-04-2012). Saiu de casa aos 14 anos, deixando família, amigos, estudo para correr atrás de um sonho. Nos conhecemos a 11 anos e logo nos casamos. Daí por diante minha vida foi acompanha-lo. Fomos muito felizes nesse tempo. Rimos, choramos, tivemos raiva, alegrias, fomos honrados e principalmente honramos àquele que é por nós Jesus. Por onde passamos fizemos amigos. Mas... tem uma hora que é a hora de parar. Começar ou recomeçar uma vida nova. Tempo de aprender coisas novas, de fazer novos amigos e conviver mais com os familiares e velhos amigos que sentíamos tanta saudade. Voltar para o nosso país que é extremamente lindo em todos os sentidos, que é aconchegante como nenhum outro e que pode não ter as 4 estações do ano bem definidas, mas o sol brilha muito mais. Um lugar sem sol parece sem vida, triste... Mas é isso ai. Meu marido postou algo no facebook que gostaria de compartilhar aqui. Um tchauzinho a todos aqueles que conhecemos e que foram tão gentis. Quem sabe um dia nos reencontremos. A vida da tantas voltas...

Olá amigos do face ! 
Gostaria muito de compartilhar algo com vocês.
Hoje acordado toda a madrugada me vieram alguns flashbacks da minha vida. 
Me lembro como se fosse hoje o dia em que decidi correr atrás de um sonho de criança, ou posso dizer o sonho de todas as crianças brasileiras ou indo além posso dizer das crianças de todo o mundo. Lembro eu indo embora de casa com meus tios em direção a são Paulo, e nessa imagem guardada na minha mente tenho minha mãe sentada na mureta da árvore da casa da minha avó. Ela com gesso no pé chorava muito, não por causa da dor no pé ou pelo incômodo do gesso. A dor era maior, era a dor de ver um filho partindo com 14 anos, inocente e imaturo achando que a vida era fácil e ainda com o dom que ele tinha seria tudo mil maravilhas. Por outro lado o pai do lado da mãe, em pé. Sim ele em pé! com a mão esquerda sobre o ombro da mãe como um ato de consolo e força. Ele como sempre calado, quieto, observador e confiante que o filho iria conseguir o que ele saíra em busca. Aliás ele sempre foi o maior fã e admirador daquele filho. Os irmãos ! Uma menina mais velha e um menino mais novo , não sabiam o que estava se passando realmente , só sabiam que não teriam mais aquela companhia por um bom tempo, e choravam de saudade.
O menino se foi. Viajou o Brasil , viajou o mundo , chorou e riu de saudades. O menino sofreu e o menino teve momentos incríveis e inesquecíveis. O menino virou homem, o homem se casou, teve filhos. O homem teve suas realizações profissionais, as mesmas que ele sempre sonhou desde o momento que saiu de casa. E depois de 16 anos e meio o homem já calejado, mas realizado se cansou. Não desistiu ! se cansou ! desistir é deixar de fazer aquilo que ainda tem condições de fazer e não o faz por medo e por ser fraco. E cansar é quando você faz tudo o que poderia ter sido feito, e a partir dali não vai mais. Afinal tudo na vida tem começo meio e fim, inclusive a própria vida. E sábios são aqueles que sabem a hora de parar pois já chegou o seu limite.
Hoje o homem volta pra casa de cabeça erguida, e sensação de dever cumprido, como um soldado que volta da guerra. E literalmente foi isso q ele viveu durante esse período. Guerreou contra vários adversários mas o maior deles sem dúvida foi a luta contra o seu próprio corpo ( quem conhece sabe do que estou falando, quem não sabe são as inúmeras cirurgias no joelho se não me engano 6) e contra suas próprias limitações, dificuldade com língua estranha e costumes num tanto bizarros mas que enriqueceu muito a cultura daquele que saiu de casa em busca de algo diferente.
Chegou o dia! hoje chegou o fim de uma era e o começo de uma outra. Daqui pra frente novos desafios, novos confrontos mas com uma grande diferença. A guerra agora tem um grande aliado o AMOR, CARINHO E CALOR de uma coisa muito importante e uma das maiores bênçãos de Deus chamado FAMÍLIA. Isso ! aqueles que anos atrás deixei para trás, mas que hoje volto feliz de reencontrá-los. E hoje é um dos grandes motivos da minha volta.
Agradeço ao futebol por tudo que me deu, por tudo que me ensinou, por todas as pessoas colocadas na minha vida, sendo elas boas ou ruins, de alguma forma influenciaram no caráter que tenho hoje e me ensinaram algo e fizeram de mim uma pessoa mais forte e mais madura.
Agradeço a todos que me ajudaram a realizar esse sonho, amigos e familiares. Em especial meu pai Jarbas Delani, minha mãe e eterna parceira Silvana Elizabeth e a minha querida e amada esposa Viviane Delani

Thanks a lot GOD !

NEVER ALONE
Por Eduardo Delani

Aqui estão alguns links do you tube que conta um pouco dessa história. Vale a pena assistir!!!

http://www.youtube.com/watch?v=G_0GM_iRZnE&feature=BFa&list=UUOgFEu6nNpyDN9-krs1DeMg&lf=plcp

http://www.youtube.com/watch?v=DNoV1qQfSEQ

http://www.youtube.com/watch?v=cubdCxnXjK4

7 comentários:

Tacia disse...

Vivi, que lindo texto que seu marido escreveu. Que Deus os abençõe, nessa nova mudança!!! Desejo à você felicidades! Beijo com carinho, Tacia

VIVIANE DELANI disse...

Obrigada querida. Vc viu algum video? O primeiro conta a historia da vida dele em fotos é triste, mas vc ve a mao de Deus em todos os momentos. Mesmo nos momentos em que pensamos que havia acabado Deus agiu e mudou tudo. A uns 7 anos atras um dos melhores medicos de joelho disse que ele n poderia mais jogar por causa de cartilagem insuficiente no joelho, que ele n iria aguentar. Oramos e n queriamos que a carreira dele acabasse assim. Queriamos que acontecesse do jeitinho que aconteceu agora sabe, com ele falando Eu quero parar (n por uma doença ou falta de alguma coisa). Deus sabe de todas as coisas e tudo está se encaminhando bem. Bjokas

MARIANA disse...

Vivi.... não resisti. Fiquei mto feliz em ver o qto vcs estão bem e felizes com tudo que tem acontecido. É bom saber q esse novo momento da vida de vcs tem sido com paz no coração. Deus é maravilhoso e faz tudo do jeitinho dele. Que essa nova fase seja abençoadíssima!!!!
Quando o Adilson parou de jogar, por não conseguir mais fisicamente, foi algo que veio com mta luta e dor em nossos corações, porém hoje vivemos momentos maravilhosos e insubstituíveis. Não troco a vida que tenho hj pela q tínhamos antes, e isso não quer dizer que vivemos coisas ruins, e sim que hj vivemos coisas mto melhores.
Nada substitui a satisfação de estar ao lado da família querida, que é aquela que sempre nos acolhe, independente do que somos, temos ou vivemos. Nada paga o prazer de estar como família na Igreja que é Tua igreja. Nada paga poder fazer parte de um ministério e abençoar vidas. Nada paga ver nossos filhos crescendo e estudando com as mesmas culturas e valores que nós temos. Nada é melhor do que poder ir no churrasquinho dos amigos e parentes que conhecem toda nossa história. Nada é mais satisfatório do que fazer parte da história dos outros e estar no album dos casamentos e aniversários que tantas vezes perdemos quando estamos longe.
Enfim, é por isso que DECLARO com alegria no coração: QUE VEJAM TEMPOS MELHORES PRA VCS E MTO MAIS FELIZES DO QUE OS QUE VCS VIVERAM ATÉ AQUI.
UM GRANNNNNDDDDDEEE BJO!

Geíza Bolognani disse...

Belíssimo texto do seu esposo. É preciso sabedoria para saber a hora de pendurar as chuteiras. Já sabe quando e para onde irão?
Sejam muito felizes nesse retorno ao Brasil!

VIVIANE DELANI disse...

Querida Mari muito obrigada por suas palavras. É tudo isso ai mesmo que vc falou. Tem coisas que não tem preço mesmo!!! As portas estao se abrindo por aqui e só de ja estar aqui na nossa terra, com nossa familia já estamos felizes e ainda mais com o q tem acontecido. Bjokas

VIVIANE DELANI disse...

OI querida Geíza. Nossa família é de Brasília (tanto a minha quanto a dele), vivemos nossa infancia toda aqui, então voltamos para Brasilia e pretendemos montar alguma coisa. Estamos estudando qual a área, fazendo cursos no Sebrae e vamos ver quando esse negocio vai sair. Só sei que estamos muito felizes por voltar e poder fazer algo mais que o futebol para nossas vidas. BJokas e se eu sumir um tempo do blog entendam pq as coisas tem q andar aqui. Mas vou procurar sempre postar algo legal.

Isa Abbade disse...

Viviane, que Deus abençoe muito essa nova fase da vida de vcs. O Senhor tem preparado coisas grandes pra vcs que são verdadeiros servos do Pai. Que venham novos sonhos, objetivos que, com fé, serão alcançados no tempo do Senhor. "Todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus" Amém ?! Não suma do blog .. ehehehe Bjo ;*

Seguidores

 
;